QUAL PARTO ESCOLHER? NORMAL OU CESARIANA?

Em 25.05.2016   Arquivado em CONFISSÕES MATERNAS, MATERNIDADE

QUAL PARTO ESCOLHER? NORMAL OU CESARIANA?

Fonte: Imagem internet

Fonte: Imagem internet

Olá mamães de plantão, hoje quero falar de um assunto que já estava na minha programação, mas depois de fazer uma pesquisa com vocês, minhas leitoras divas, resolvi adiantar o assunto.

Toda mamãe já passou ou ainda irá passar por esse momento (caso esteja gravidinha). Esse é um dos instantes mais marcantes da maternidade: O nascimento do seu filho.

Durante a gravidez do Davi eu tinha um milhão de dúvidas, ainda tenho muitas, mas hoje eu já tenho minha opinião formada sobre minhas escolhas durante a gestação e me sinto mais segura para as novidades que vão aparecendo ao longo da maternidade.

Atualmente a maternidade é romantizada, tudo é muito lindo, ou muito intenso e ponto. Mas a realidade é que somos seres humanos e esse processo de transformação de filha para mãe é um processo lento que demanda muita energia. Até então você enxergava a maternidade pelos olhos da sua mãe e de outras mamães, você sabia como era ser filha, ouvia todo dia: Quando você for mãe você vai entender isso ou aquilo. E realmente, só entendemos todo esse universo quando fazemos parte dele e somos a protagonista.

Porque eu estou falando tudo isso? Porque assim que você descobre a sua gravidez um monte de gente sem o que fazer te faz um questionário, como se você fosse obrigada a ter as respostas e não é bem assim, já falei sobre esse assunto aqui.

Portanto hoje vou escrever um pouquinho sobre parto normal e cesariana. Mas a escolha devera ser sua, não existe uma receita de bolo dizendo: Esse parto é o ideal! Não! O ideal mamãe é aquele parto que você se sentira à vontade e segura. Mas busque informações, pesquise, leia, converse com outras mães e escreva sua própria historia sem medo. Ouça seu coração, não se preocupe com a opinião de outras mães, ouça e absorva o necessário.

Meu conselho sempre será o mesmo: Faça sua própria formula e terá sucesso! Sem cobranças, oquei?

Vamos lá:

PARTO NORMAL E NATURAL

PARTO NORMAL

Fonte: Internet

Segundo Coren – SP, existe uma diferenciação entre o parto normal (tradicional) e o parto natural, pois, já há algum tempo, o parto normal tem ocorrido de maneira oposta à sua normalidade e naturalidade, com muitas intervenções sendo realizadas. Ou seja, para a realização do parto de forma tradicional, são utilizados, de maneira rotineira, alguns procedimentos como o corte na vagina, a colocação de soro na veia, a raspagem dos pelos, a lavagem intestinal, a suspensão da alimentação, o repouso na cama hospitalar, a proibição da presença de um acompanhante, dentre outras ações, que só causam sofrimento, dor e aumento do risco de inúmeras complicações à mãe e ao bebê. Daí, também, a explicação para muitas mulheres terem tanto medo do parto normal.

Entende-se por parto natural aquele realizado sem intervenções ou procedimentos desnecessários durante todo o período de trabalho de parto, parto e pós parto, e com o atendimento centrado na mulher. Também pode ser chamado de “parto humanizado”, devido todo o respeito e ternura com que são tratados a mulher e o bebê neste período. No parto natural, a saída do bebê ocorre pelo canal vaginal, sem qualquer intervenção cirúrgica. Tudo transcorre da maneira mais natural possível e com o mínimo de procedimentos, de modo a evitar causar mais dor, complicações e risco de infecções à mãe e ao bebê. Apenas quando, durante o processo do parto, existir uma real indicação para alguma intervenção, poderá ser realizado o corte na vagina, a colocação de soro na veia e a suspensão da alimentação, além de outros procedimentos.

Eu acho linda a natureza seguindo seu caminho, vejo esse tipo de parto como uma dádiva para as mulheres que escolhem esperar o tempo oportuno para a chegada do bebê. Mas sei que muitas mulheres simplesmente não conseguem um parto normal, natural ou humanizado. E tenho experiências na família de partos normais que foram um sucesso outros um fracasso. A minha sugestão é que seja feito um acompanhamento responsável e consciente com a sua médica. Que exista cumplicidade entre médico e paciente para esclarecer todas as perguntas. Conhecer seu corpo e seus limites. Eu já quis muito um parto normal, mas em uma conversa com minha obstetra ela foi clara ao dizer que não me indicava esse tipo de parto e eu não quis estender a conversa. No fundo tinha mais medo que qualquer outro sentimento. E deixo aqui nessas linhas a minha sincera admiração pelas mães que escolheram um parto natural e foram até o fim, vocês são guerreiras, parabéns!

CESARIANA

CESARIANA

Fonte: Internet

Cesariana é uma cirurgia em que o obstetra realiza uma incisão no abdome e no útero da mulher para retirar o bebê através desse espaço.

Daria para escrever um livro sobre as vantagens dos partos normais e uma tragédia romana sobre as cesarianas. Como grande maioria de tudo que li mostram os pontos negativos desse tipo de parto, resolvi não colocar nenhuma citação. Vou contar um pouco da minha experiência. Do que vivi!

  1. Realmente o pós-parto é difícil, é preciso repouso e cuidados. Mas todos os partos precisam de repouso e cuidados.
  2. É horrível cortar a barriga, mas em alguns casos de parto normal também existe corte, o que é tão incomodo quanto qualquer outro corte.
  3. É uma cirurgia perigosa, mas muitas mulheres morrem em partos naturais, ou por falta de condições genéticas, físicas ou financeiras.
  4. Ter uma cesariana não te impede de ter um parto normal no próximo filho.

Bom, seja parto normal ou cesariana, o importante é ouvir aquele chorinho gostoso do seu filho assim que ele chega ao mundo, é uma sensação sem explicação e que vai acalmar seu coração.

Quero muito conhecer sua historia, mande um email contando como foi seu parto, mande fotos e fale um pouquinho da sua escolha e iremos postar aqui, tenho certeza que cada experiência é única e você pode ajudar outras mulheres a esclarecer suas duvidas com relatos reais.

Beijo e um queijo rs  :*

Love, J. <3