DIETA PALEO PARA GESTANTES

Em 28.07.2016   Arquivado em CLUBMAMAESFIT, DIETA PALEOLÍTICA, MATERNIDADE

Dieta paleo para gestantes

Imagem Internet

Imagem Internet

Primeiro vamos esquecer esse nome “dieta” e pensar que gravidez não é doença, e que comida de verdade é pra todo mundo, inclusive para as gravidinhas.

Já ouvi e li tantas mensagens dizendo que é uma dieta restrita, que grávidas precisam se alimentar melhor porque tem que comer pra duas pessoas.

Vamos lá novamente quebrar alguns paradigmas.

Primeiramente uma grávida não precisa se alimentar por duas pessoas, até por que o feto é bem pequenininho e não precisa de tanta comida quanto a mãe, por exemplo, precise no seu dia a dia normalmente. Segundo que não é uma dieta restrita, por que em vegetais, carnes, queijos, castanhas, azeite, óleo de coco e frutas são ricos em todo tipo de vitaminas e minerais que todo nosso organismo precisa.

Sabe qual foi o problema de hoje em dia em achar que produtos industrializados precisam fazer parte da nossa alimentação?

A indústria alimentícia fez um trabalho tão bem feito que ela move milhões em propaganda pra mostrar pro consumidor que aquele produto “integral”, ou os derivados em geral do trigo, tem as fibras que o seu intestino precisa, que aquele iogurte tem os “lactobacilos” necessários para melhorar a flora intestinal, que nutella é rica em ingredientes naturais como o cacau, a amêndoa e o leite, mas que ninguém lembra de contar que também é rico em açúcar, óleo vegetal e que os ingredientes que realmente fazem bem à saúde ocupa pouco por cento na embalagem total, e por aí vai, por que se eu for citar tudo aqui vou escrever um livro de 500 páginas (ou mais) kkkkk.

Agora voltando ao assunto da dieta restrita, pode ser que eu concorde em termos. Como já disse num post passado, que tudo depende do objetivo de cada um.

Se você quer ser mais magrinha (o), tem que diminuir carboidratos.

Se você quer ganhar massa magra, perder gordura localizada, ou seja, diminuir percentual de gordura, a dieta precisa sim ser mais restrita.

Se você quer só emagrecer, precisa cortar até alguns tipos de frutas, pois são ricas em açúcares.

Se você quer ser monstrão (ona), fortão (ona) kkk tem que ter uma dieta diferenciada também.

Agora para grávidas, não precisa de restrição nenhuma quando se trata de comida, que veio da terra, que seja animal, que seja bicho ou planta. Lógico que os hormônios vão mudar o seu corpo, você irá sentir mais fome, provavelmente, então COMA, por que com fome, a gente come, não é mesmo?

Coma todo tipo de carne, sem exceção, até a picanha, e sem tirar a gordura em, porque não devemos evitar a gordura natural dos alimentos. Coma vegetais, ovos, frutas, castanhas e pra encerrar beba um café, sem açúcar, claro. Acredite, com o tempo o paladar muda e você vai acostumando com o sabor natural dos alimentos.

Faça as refeições principais do dia, como café da manhã, almoço, lanche e jantar ou obedecendo a regra de comer quando se tem fome.

Depois deem uma olhada no link da reportagem onde a Deborah Secco fala que ela fez essa dieta durante e depois da gravidez.

http://revistaglamour.globo.com/Celebridades/noticia/2016/05/deborah-secco-fala-sobre-dieta-do-jejum-intermitente-que-deixava-sem-comer-por-ate-23-horas.html

Não tem segredo gente, tem que ter é mudança de hábitos e isso com o tempo tudo se ajeita.

Um beijo grande! Até o próximo post.

Obrigada!

Me sigam nas redes sociais. Snap: isaffilbida/ Instagran: isaffilbida.farma/ Facebook: Isadora Fernandes Fílbida

 

GRAVIDEZ: ULTIMA SEMANA

Em 05.07.2016   Arquivado em CONFISSÕES MATERNAS, MATERNIDADE

Olá, lindas do meu coraçãozinho!

Hoje quero deixar algumas palavras desse finalzinho de gravidez, estou em contagem regressiva, com 38 semanas. Depois desse post, vou ficar uns dias ausentes, ganho bebê na sexta-feira e se vocês quiserem, podem acompanhar tudinho pelo Snap: jackdluiggi ou pelo meu instagram pessoal: Jaqueline Medeiros ou  instagram do blog e nossa fanpage! Vou ir contando tudo para vocês. E assim que tiver tudo certinho comigo e com Mateus eu volto a escrever aqui no blog, ok?

O Maior Amor Do Mundo

O Maior Amor Do Mundo

38 SEMANAS/ 9 MESES

Uma gestação dura em média 266 dias! Como para medicina é muito complicado saber o dia da concepção, já somos consideras gravidinhas a partir da ultima menstruação e isso daria mais ou menos 280 dias.

Então, vamos lá!

São mais de 260 dias de muito amor.

Chorei.

Sorri.

Vivi de tudo.

Hormônios, que enlouqueceram.

Corpo que mudou.

Coração que cresceu.

Vida que ganhou outro sentido.

Casamento que melhorou, piorou, melhorou…

Noites longas.

Espera que não chega.

Ansiedade que aumentou.

Duvidas novas.

Informações, aos montes!

Quartinho.

Decoração.

Pode isso, não pode aquilo.

Palpites de sobra.

Muitas fotinhas.

Filho caçula promovido a irmão mais velho.

Muitos presentes.

Cheirinho de bebê.

Medo.

Insegurança.

Mais de 15kg.

Muitas consultas.

Seis ultrassons.

Pés inchados.

Barriga gigante.

Parecendo uma melancia.

Muito doce.

Muito amor.

Muitos sonhos.

Enfim, foram lindos 260 dias de muita expectativa.

Daqui alguns dias eu vou ver mais um rostinho único na minha vida. Não importa a cor, com quantos kilos, quantos centímetros, se vai chorar muito, se vou perder noites de sono, se vou conseguir ou não amamentar, se vai nascer com cara de joelho ou um bebê de anuncio de fraldas descartáveis.  O importante, meu amor, é você saber que vou te amar incondicionalmente e infinitamente mais e mais.

Espero ansiosamente!

Mamãe <3

 

Beijos :*

 

Love, J. <3

6 Alimentos importantes na gravidez

Em 06.05.2016   Arquivado em CLUBMAMAESFIT

Olá meninas, toda quinta-feira faço um post para o @clubmamaesfit e a partir dessa semana na sexta-feira vou postar aqui para vocês acompanharem as dicas e o nosso grupo no Instagram.

No post dessa semana falei sobre alguns alimentos que devem ser ingeridos durante a gestação para ajudar no bom desenvolvimento do bebê e na saúde da gestante. Lembrando que nosso blog é somente informativo e para qualquer tipo de dieta ou exercício seu obstetra deve ser consultado primeiro.

Sigam o grupo no instagram e conheçam mamães cheias de garra rumo a uma vida mais saudável.

Vamos ao alimentos…

alimentação-gravidez

🔸Ovos

Além de poucas calorias, os ovos contêm mais de 12 vitaminas e minerais e ainda uma quantidade nada desprezível de proteínas. Essa substância é essencial para a intensa produção de células que acontece no corpo do bebê.

🔸Feijão
O feijão é um alimento nutricionalmente completo, sendo fonte
de proteínas, ferro, cálcio, magnésio, zinco, vitaminas (principalmente do complexo B), carboidratos e fibras. Além disso, possui substâncias antioxidantes vinculadas a um menor risco no desenvolvimento de alguns tipos de câncer e a uma menor incidência de doenças degenerativas.

🔸Pão integral
O pão integral apresenta as mesmas propriedades de vitaminas, magnésio, cálcio, potássio, fósforo e ferro do que o pão branco, com a vantagem de os benefícios serem em quantidades mais significativas.

🔸Aveia
A aveia auxilia o sistema imunológico a se manter ativo. Isso é algo importantíssimo durante a gestação, quando há uma baixa natural da imunidade da mulher e, portanto, uma maior suscetibilidade a doenças e infecções.
Assim como o feijão, a aveia é também rica em fibras solúveis, do tipo que limpam as artérias do corpo e ajudam a reduzir as taxas do colesterol ruim (LDL).

🔸Couve manteiga
Quem diria que uma verdura das mais despretensiosas pudesse ser tamanha fonte de nutrição? A couve contém mais ferro e cálcio que quase qualquer outra verdura, e seu alto teor de vitamina C aumenta a capacidade de absorção desses minerais pelo organismo.
É ainda excelente fonte de betacaroteno e vitamina E, de ácido fólico, ferro e potássio.

🔸Patinho (carne bovina magra)
Por conter grande quantidade de ferro, o patinho é um tipo de carne bastante indicado às mulheres grávidas na prevenção da anemia, uma doença nada incomum na gestação e que pode provocar cansaço e mal-estar. O patinho é uma carne que tem proteínas de alto valor biológico para o crescimento saudável de músculos, órgãos e todos os tecidos em formação do bebê.
@clubmamaesfit

Essas informações foram retiradas do meu site queridinho durante a gestação BabyCenter. Corre lá!!! Tem muita informação de qualidade para as mamães que estão esperando seus baibes!!!

Espero que você mamãe gravidinha esteja se alimentando bem para que sua gestação ocorra segura e saudável.

 

Love, J. <3

Cuidados com a Saúde durante a Gestação

Em 10.04.2016   Arquivado em MATERNIDADE

saudavelOlá!

Hoje vamos deixar algumas orientações da Dra Mariana Leão sobre cuidados com a saúde durante a gestação!

  1. Quais os cuidados com a saúde durante a gestação?

Primeiro cuidado que toda gestante deve ter durante a gestação é iniciar o pré-natal o quanto antes, pois durante o pré-natal que será realizado exames para saber a vitalidade do bebê e da mãe. Outros cuidados importantes são alimentar-se bem, exercitar-se, parar de fumar e ingerir bebida alcoólica, reduzir o consumo de cafeína, não ingerir medicação sem orientação médica, fazer o uso de ácido fólico, dentre outros

2. O que evitar comer?

Os cuidados com os alimentos devem ser redobrados no período de gestação. A listeriose, doença que provoca aborto espontâneo ou problemas graves no recém-nascido, pode ser transmitida por queijos como o brie, camembert, roquefort, gorgonzola e os queijos brancos tipo frescal ou de Minas, se não forem industrializado. Outra doença que deve-se tomar cuidado durante a gestação é a toxoplasmose, que embora seja pequeno ainda existe, evite comer carne crua ou malpassada. Lave bem verduras, legumes e frutas para tirar todo resquício de terra ou sujeira, e lave bem as mãos antes de comer. Infecções alimentares por salmonela (salmonelose) são transmitidas por alimentos de origem animal, como carnes, peixes, ovos e leite, portanto segure a vontade de lamber a colher de massa de bolo crua.

  1. O que comer?

Durante a gravidez, toda gestante, deve alimentar-se bem, o ideal é incluir nas refeições verduras, legumes, frutas, carboidratos, proteína e também leite e laticínios em geral, de forma equilibrada! Evite frituras e gorduras! Não deixe de comer algo por causa dos enjoos, além de sempre ter algo para substituir, após o primeiro trimestre da gestação, eles tende a diminuírem.

  1. Os exercícios físicos são recomendados?

Sim, para dar a força e a resistência necessárias para carregar o peso extra da gravidez e para aguentar o estresse físico do parto. Atividade que requer muito esforço físico e peso deve ser acompanhada por um profissional da área! E os mais benéficos são atividades mais amenas, como caminhadas, natação, hidroginástica e ioga.

 

Love, J. <3